Adianta dar bronca no bebê?

Não, não adianta dar bronca no bebê! Mesmo que já esteja grandinho o suficiente para engatinhar, por exemplo, seu filho ainda não sabe diferenciar o certo do errado. O pequeno está levadinho? Não dê bronca no bebê, pois pode assustá-lo ou até machucá-lo! Quando ele fizer algo de errado, oriente-o da maneira correta. Somente a partir dos dois anos a criança é capaz de entender a bronca e mudar o comportamento.

Como corrigir o bebê

Vamos explicar com um exemplo. Se a criança joga um objeto no chão, fixe seu olhar e diga: “Não faça isso”. Em seguida, mostre algo seguro com que possa brincar, em vez de dar bronca no bebê. Como a atenção dos pequenos é curta, logo ele irá se distrair com outra coisa.

O mais importante é ser firme ao dizer “Não” e passar a mensagem ao bebê, para ensiná-lo. Depois que chamar a atenção do pequeno, não volte na decisão. Um exemplo: após dizer “não faça isso”, evite falar “tá bom, faça, mas só um pouquinho”. A criança vai ficar confusa!

Evite gritos e castigos físicos

Jamais grite ou bata, pois alterar a voz assusta a criança e, ao bater, você pode até machucá-la. Caso perceba que está muito alterado, deixe o bebê no berço e dê um tempo até que você se sinta mais tranquilo. Não perca a cabeça! Seu filho ainda não tem noção do perigo, e é seu dever ensiná-lo com carinho!


Prevenindo birras

As birras e os choros podem acontecer porque o bebê quer fazer algo que não deve. Uma maneira de prevenir essas atitudes é manter a casa segura. Tomadas, fios e armários devidamente protegidos vão evitar muitos desgastes! Se quer evitar que seu filho brinque com algo, não deixe ao alcance dele.

Compartilhar: